Acidente ocorreu na unidade da BRF Foods no bairro Jardim Brasília; Defesa Civil e polícia ambiental foram acionadas

Por: Vinícius Lemos

Um vazamento de amônia em uma empresa de processamento de alimentos no bairro Jardim Brasília, zona norte de Uberlândia, levou várias pessoas a acionarem o Corpo de Bombeiros na noite deste domingo (21). O caso repercutiu com informações desencontradas nas redes sociais e também entre vizinhos do local.

Segundo os bombeiros, houve um excesso de pressão em uma válvula de cilindros de amônia, a qual é usada no processo de refrigeração na indústria. Pouco depois das 19h de domingo, os militares foram acionados, mas ao chegarem à unidade da BRF Foods, que fica na Rua Urano, técnicos da empresa já tinham feito a contenção da substância.

Ainda que algumas pessoas tenham se sentido incomodado, os militares não precisaram fazer atendimento de intoxicadas. Entretanto, a orientação passada aos vizinhos no entorno da empresa era que, se possível, se mantivessem a pelo menos dois quilômetros do ponto de vazamento. Houve relatos de pessoas que sentiam o cheiro da amônia em bairros da região central como o Martins e também da zona oeste, a exemplo do – Chácaras Tubalina.

O caso foi repassado para a Polícia Militar e, segundo o comando da Companhia de Meio Ambiente, a empresa deveria ter feito comunicado ao Núcleo de Emergências Ambientais (NEA) estadual, o que não aconteceu. A própria polícia acionou o órgão, que deve vir a Uberlândia até nesta terça-feira (23) visitar a empresa e fazer a avaliação do que ocorreu para saber a necessidade para qualquer medida administrativa. A Defesa Civil também deveria ter sido avisada pela empresa, mas isso só aconteceu por meio de ligações da população e também por contato do Corpo de Bombeiros.

Em nota, a assessoria da BRF informou que o incidente ocorrido na unidade, onde houve um pequeno vazamento de amônia, foi prontamente controlado. No momento da ocorrência, apenas as equipes de Manutenção e Higienização operavam na unidade com cinco funcionários, os quais foram evacuados imediatamente, sem necessidade de realizar qualquer atendimento médico para esses colaboradores. Ressaltou ainda que a investigação do evento esteja sendo conduzida por um time técnico e especializada, e as atividades da unidade foram retomadas após garantia da segurança das pessoas e das instalações.

Fonte: Diário de Uberlândia, 22 de abril de 2019.

https://diariodeuberlandia.com.br/noticia/20668/vazamento-de-amonia-em-industria-de-alimentos-causa-transtornos-em-uberlandia