Funcionários da empresa BRF de Marau e Serafina Corrêa não aceitaram reajuste proposto pela empresa

30/05/16 – 09h06

 
Foram realizadas neste final de semana, assembleias dos trabalhadores da empresa BRF das Unidades de Marau e Serafina Corrêa. Na oportunidade, os funcionários de ambas as Unidades rejeitaram a proposta de acordo coletivo oferecido pela empresa neste ano. Em ambos os municípios cerca de 200 funcionários compareceram no encontro e tomaram a decisão pelos demais. 

A empresa BRF ofereceu reajuste de 5,75% neste momento e mais 0,5% para janeiro de 2017, totalizando 6,25%, sendo que os trabalhadores reivindicam aumento de 10,5%. O Sindicato dos Trabalhadores da Alimentação deve fazer ainda nesta segunda-feira (30), o comunicado de rejeição da proposta a empresa BRF. A partir de então, será aguardada uma nova data para retomada na negociação.

Até o momento, das 48 empresas ligadas ao setor da alimentação no município, pelo menos 26 delas já fecharam o acordo salarial 2016. O que surpreende, é que todas tiveram aumento entre 10 e 11%, índice acima da inflação do setor, que foi de 9,63%. O setor de alimentação abrange empresas como Frigoríficos, Padarias, Cooperativas, Laticínios, Granjas, Indústrias de Chocolate, Ervateiras, entre outros.
 
Fonte: Vang/FM, 30 de maio de 2016.

http://www.vangfm.com.br/principal.php?id=14758