Unidade conta com 560 funcionários e tem capacidade para abater 600 cabeças de gado por dia

Por: Gabriele Schimanoski – 23/08/16 – 19h36

Após rumores de fechamento da planta frigorífica, a diretoria do Grupo JBS e o secretário de Indústria e Comércio de Colíder, Emerson Francisco da Silva, se reuniram na tarde desta terça (23) para discutir alternativas que garantam o funcionamento da unidade no município. O encontro ocorreu após o Grupo divulgar nota falando sobre dificuldades na operação, em razão da escassez de água, o que estaria comprometendo o nível dos reservadores que abastecem a unidade. 

O fato foi noticiado inclusive em veículos de circulação nacional, os quais abordaram o fato como indício de um possível fechamento. Entretanto, a assessoria do JBS informou que todas as providências estão sendo tomadas para que a produção não seja interrompida e que o frigorífico não irá fechar as portas. 

Atualmente, a unidade conta com 560 funcionários e tem capacidade para abater 600 cabeças de gado por dia. De acordo com o secretário Emerson, a diretoria do grupo tranquilizou a gestão municipal, reiterando que as atividades da unidade não serão encerradas. 

“A gestão municipal é sensível a esta causa, pois entende a importância que uma indústria desse porte tem na economia local, é a maior geradora de empregos. Quando procurados, nos colocamos à disposição para buscar alternativas, mas a diretoria já nos tranquilizou e garantiu que não fechará as portas”, afirma. 

O secretário informou ainda, que o assunto deve ser visto sempre com muita cautela, pois a economia do município é basicamente fomentada pela pecuária. “O nosso medo é ocorrer algo semelhante ao que ocorreu em Matupá, onde milhares foram demitidos de um dia para outro. Por isso, saímos em busca de informações concretas, até para tranquilizar a população”. 

Nos bastidores, a informação é de que pelo menos outras duas unidades no Estado, estariam também com problemas de infraestrutura. Procurado, o Sindicato das Indústrias de Frigoríficos do Estado de Mato Grosso (Sindifrigo), afirma desconhecer a situação e esclarece que até o momento não foi procurado por nenhum representante da empresa.

Fonte: Rede News, 23 de agosto de 2016.

http://www.rdnews.com.br/economia-e-agronegocio/secretario-procura-jbs-para-evitar-risco-de-frigorifico-fechar-em-colider/74659