Unidade teve o mesmo problema em abril, quando foi multada. Bombeiros e Polícia Militar do Meio Ambiente registraram a ocorrência nesta segunda-feira (27).

O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar do Meio Ambiente registraram, nesta segunda-feira (27), mais um vazamento de amônia na fábrica da BRF em Uberlândia, localizada no Bairro Jardim Brasília.

Os bombeiros foram acionados após funcionários entrarem em contato e afirmarem que alguns trabalhadores estavam com sintomas de intoxicação devido ao vazamento do produto químico.

Ao chegarem ao local, os militares foram informados de que a situação foi controlada. A empresa confirmou a situação e se posicionou sobre o caso.

Os militares realizaram uma vistoria em toda a unidade. Não foi informado se houve atendimento de vítimas ou encaminhamento de funcionários para unidades hospitalares.
Por meio de nota, a empresa se posicionou sobre o ocorrido e disse que as providências necessárias foram tomadas.

“A BRF informa que a unidade de Uberlândia opera normalmente após o pequeno vazamento de amônia ter sido prontamente controlado. Nenhum funcionário foi atingido e o Corpo de Bombeiros, a Polícia Ambiental e Polícia Militar estiveram no local e puderam constatar as providências tomadas pelos técnicos da unidade”.

Reincidência
No dia 23 de abril deste ano o Núcleo de Emergência Ambiental (NEA) autuou a mesma fábrica da BRF devido ao vazamento de amônia na unidade no dia 21 de abril, bem como pela demora da empresa na comunicação do fato. Na época, a Polícia Militar de Meio Ambiente não informou o valor da multa.

Fonte: G1 Triângulo Mineiro, 27 de maio de 2019.

https://g1.globo.com/mg/triangulo-mineiro/noticia/2019/05/27/novo-vazamento-de-amonia-e-registrado-em-fabrica-da-brf-em-uberlandia.ghtml