Com o visto permanente, os direitos se ampliam. Eles passam a ter o Registro Nacional de Estrangeiros (RNE), aquela “carteirinha” de estrangeiro, similar ao RG dos brasileiros.
Além da segurança jurídica, a medida tem um impacto emocional na comunidade, segundo o coordenador da Assessoria de Direitos Humanos, Igo Martini. “São migrantes legais, mas que têm medo de serem visto como ilegais. Até porque passam por muitas violações de direito, inclusive racismo, por serem negros”.
O visto também garante maior estabilidade no país. É o que dá esperança a muitos migrantes que deixaram suas famílias no Haiti e que dependem de “atravessadores” para trazê-los até a fronteira.
É o caso de Getese Thomas, 34 anos, que chegou ao Brasil em 2013, por meio do Acre. Seu marido, Patrick Noel, veio no início deste ano. As filhas, Christina e Dienma Noel, de 09 e 13 anos, ficaram em Porto Príncipe sob os cuidados da irmã de Patrick. Com o visto, Getese têm esperança de trazer as meninas para cá.

Burocracia
Estrangeiros com nome na listagem têm um ano para apresentarem uma listagem de seis documentos na Polícia Federal. É um processo similar ao feito por brasileiros na hora de tirar um passaporte. Ao fazer o requerimento no site da PF, a pessoa já marca a data em que será atendida. Atualmente, as marcações são de março de 2016 para frente.
Além disso, é preciso pagar duas Guias de Recolhimento da União (GRU), apresentar certidões negativas de antecedentes criminais (brasileira e estrangeira), comprovante de residência e a certidão consular (que pode ser substituida por uma certidão de nascimento ou casamento traduzida por tradutor juramentado).
O processo todo custa quase R$ 600, segundo Martini, o que é um primeiro entrave. Além disso, há a barreira linguística (muitos estão aprendendo o português) e a tecnológica, pois boa parte do procedimento é feito pela internet.

Fonte: Gazeta do Povo, 24 de novembro de 2015.

http://www.gazetadopovo.com.br/vida-e-cidadania/liberacao-de-vistos-para-haitianos-mobiliza-forca-tarefa-em-curitiba-b48iq4duhdgx8lgzw2yjhdiyv