O país é destino de 20% das exportações da JBS e importou 322,4 mil toneladas de carne bovina brasileira em 2018

Destino de 20% de todas as exportações da JBS, a China deve receber maior atenção por parte da companhia este ano. Em nota, a empresa anunciou hoje que deve aumentar em 50% a sua presença física durante a segunda edição do China International Import Expo (CIIE) e apresentar seu portfólio completo,  incluindo JBS Carnes, Seara, JBS Novos Negócios e JBS Australia.

“Tivemos uma participação acima das expectativas na primeira edição da feira. Assinamos Memorandos de Entendimentos – MoU, na sigla em inglês – que podem ultrapassar a marca de US$ 3,4 bilhões pelos próximos anos, contemplando todos os negócios da JBS”, afirma o presidente da JBS Carnes, Renato Costa, em nota. De acordo com Costa, a empresa está confiante no crescimento do mercado chinês “a partir de novos negócios que vamos buscar ao longo de 2019 e na próxima edição da feira”.

Na última edição do evento, em dezembro, a empresa assinou Memorando de Entendimento no valor de US$ 1,5 bilhão com a Alibaba. Também foram realizados acordos com companhias como a Unifood, Grand Farm e CP (todas chinesas). A próxima edição do China International Import Expo (CIIE) ocorre em novembro deste ano.

“Nossa presença na China se iniciou há mais de dez anos e, na feira, a Seara teve um desempenho muito positivo, uma vez que celebramos novos contratos de distribuição e expandimos canais de vendas, além de consolidarmos ainda mais a imagem da Companhia como um dos principais players globais”, comenta a presidente da Seara, Joanita Maestri Karoleski.

Em 2018, as exportações brasileiras de carne bovina para China somaram 322,4 mil toneladas, crescimento de 52,5% ante o observado em 2017, segundo dados do Ministério da Agricultura.

Fonte: Portal DBO, 30 de janeiro de 2019.

https://www.portaldbo.com.br/jbs-pretende-aumentar-negocios-com-a-china-em-2019/